Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Review: Tomb Raider I (1996)

por Bruno Ferreira, em 11.03.13

 

Como ando numa de passar todos os jogos da saga Tomb Raider até ao fim, como é óbvio tinha que começar pelo primeiro de sempre de 1996! Não vos vou dizer muita coisa, porque as críticas que vou lançar a este, estavam presentes no post anterior, por isso aqui vamos nós! 15 níveis, uns muito difíceis tenho que vos dizer, outros nem tanto, em especial o último nível, que sinceramente foi bastante curto! Coisas negativas, os controlos e alguns bugs que ao fim de um tempo começam a irritar, a dificuldade a nível de inimigos não é assim muita, tirando um monstro ao começar o último nível, a maior dificuldade que encontrei foi mesmo em alguns níveis encontrar algumas passagens, especialmente para os "secrets"! No que toca á dificuldade dos níveis em geral, é como tudo, uns podem passar em 20/30 min., agora outros vão requerer algumas horas com a vossa paciência no limite! No geral, um bom jogo, com uma boa história e desafios para dar e vender! 

 

Locais de Exploração

  • Fase de treinamento: Croft Manor (Mansão Croft)

Flag of Peru (state).svg Peru

Natla envia Lara para o Peru, onde descobre a entrada ao túmulo perdido de Qualopec acima das montanhas.

O jogador deve guiar Lara através da cidade perdida ao encontrar os inimigos que consistem em lobos, morcegos, ursos, dinossauros e outros. Os níveis em Peru são de dificuldade média.

  • Fase 1: Caves (Cavernas)
  • Fase 2: City of Vilcabamba (Cidade de Vilcabamba)
  • Fase 3: The Lost Valley (O Vale Perdido)
  • Fase 4: Tomb of Qualopec (Túmba de Qualopec)

Flag of Greece.svg Grécia

Este monastério medieval de St. Francis foi construído acima de uma montanha que escondesse a camada da antiga civilização, voltando à era dourada de Grécia e Roma. Aqui Lara enfenta leões, jacarés e gorilas, e quando explora ruínas destas civilizações antigas, compete para a segunda parte do Scion com um homem nomeado Pierre DuPont. Os estágios neste monastério variam de médio à difícil.

  • Fase 5: St. Francis Folly (Monastério de São Francisco)
  • Fase 6: Colosseum (Coliseu)
  • Fase 7: Palace Midas (Palácio de Midas)
  • Fase 8: Cistern (Cisterna)
  • Fase 9: Tomb of Tihocan (Túmulo de Tihocan)

Flag of Egypt.svg Egito

Em uma garganta escondida perto do vale dos reis, Lara explora pirâmides enterradas e um sphinx, além de lutar com panteras, crocodilos, e alguns surpreendentes monstros místicos. O terceiro regrador de Atlantis foi enterrada aqui, junto com a terceira parte do Scion. Os níveis no Egito são de alta dificuldade.

  • Fase 10: City of Khamoon (Cidade de Khamoon)
  • Fase 11: Obelisk of Khamoon (Obelisco de Khamoon)
  • Fase 12: Sanctuary of the Scion (Santuário de Scion)

Atlantis (Atlântida)

Lara Croft seguiu Natla e seus empregados a uma ilha remota, onde as operações de mineração de Natla Technologies expusessem parcialmente a pirâmide grande de Atlântida. Este é o lugar onde o mistério se desfaz. As fases de Atlântida estão entre as mais difíceis.

  • Fase 13: Natla's Mines (Minas de Natla)
  • Fase 14: Atlantis (Atlântida)
  • Fase 15: The Great Pyramid (A Grande Pirâmide)

Curiosidades:

  • Em 1998, Tomb Raider ganhou o prêmio Origins Awards na categoria melhor jogo de ação para computador de 1997.
  • No jogo, Lara não tem trança no cabelo porque os poligonos eram poucos e não permitiram criar a trança vista nas cenas em CGi, que só viriam a aparecer em Tomb Raider 2, porque os polígonos aumentaram.
  • A mansão Croft foi desenhada por outra empresa, a Derby Studios, que ficou encarregada de desenvolver o jogo no início do desenvolvimento, e depois foi a Core Design que ficou com o desenvolvimento.
  • Em Tomb Raider, a Mansão Croft era bem simples e tinha apenas três cômodos de treinamento ( Incluindo a piscina, para treinar o nado. ), a decoração era cheia de quadros antigos e esculturas de cavaleiros antigos, na entrada continha uma grande quantidade de caixas e a parte de fora da casa ainda não existia.

Nota final: 3.5/5

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D